Medicina Integrativa

  • Home
  • Medicina Integrativa

Medicina Integrativa

Confira nossos tratamentos e saiba os detalhes.

02

METODOLOGIA

É um conceito novo no Brasil, mas já amplamente difundido nos EUA e Europa. Neste modelo de Medicina preventiva enxergamos o indivíduo com uma interação de corpo, mente e ambiente, levando a preservação da boa saúde, prevenção da doença e alívio dos sintomas.

Medicina Funcional Integrativa é um método médico concebido para responder aos desafios colocados pelas atuais necessidades de saúde dos países desenvolvidos.

Na definição do CAHCIM (Consortium of Academic Health Centers for Integrative Medicine – USA), Medicina Integrativa é a prática médica que reitera a importância da relação entre médico e doente, dando ênfase à pessoa no seu todo, baseada na evidência científica e utilizando todas as abordagens terapêuticas, dos profissionais de cuidados de saúde e das disciplinas adequadas à obtenção de um estado de saúde e de tratamento oportunos.

A Medicina Funcional, modelo criado pelo IFM (Institute for Funcional Medicine – EUA), é um método médico que procura conhecer as causas subjacentes às doenças crónicas não se satisfazendo com a eliminação pontual dos sintomas. Cientificamente fundamentada, a Medicina Funcional centra-se no doente e considera a saúde como uma vitalidade positiva alicerçada em oito equilíbrios clínicos fulcrais cuja alteração está na base do mal-estar e das doenças crônicas: equilíbrio hormonal e de neurotransmissores, equilíbrio de oxi-redução e mitocondriopatia, equilíbrio de desintoxicação e biotransformação, equilíbrio imunitário, equilíbrio da inflamação, equilíbrio digestivo, de absorção e microbiológico e equilíbrio estrutural.

Para um conhecimento aprofundado em Medicina Integrativa Funcional, aconselhamos a visita a estes sites:

A doença e o processo do adoecer são individualizados. E é na compreensão abrangente dessa singularidade que residirá a estratégia terapêutica mais conveniente e efetiva, baseada numa abordagem ampla e personalizada.

O indivíduo tem o seu perfil genético, uma origem familiar com predisposições para determinadas doenças. Suas experiências, valores, relações interpessoais e vivências são condicionantes para a vida. Seus hábitos e estilos de vida próprios, proporcionarão diversidades e desafios. As capacidades físicas e psíquicas condicionarão e adaptarão a pessoa ao ambiente. Caso, tenha uma escolha divergente, ao longo da sua vida poderá potenciar sinergias desencadeadoras das mais variadas doenças.

A pessoa age e interage com o meio em que está inserida – familiar, social, profissional, cultural e ambiental – de uma forma que lhe é específica e também a condiciona.

Em Medicina Integrativa a pessoa é o centro da nossa atenção. No processo de instalação das doenças crônicas intervêm muitos fatores que estão relacionados com o estilo de vida e com a relação consigo mesmo e com o ambiente envolvente.
À adoção de estilos de vida saudáveis são calcados na nutrição, no exercício físico, nas relações familiares e sociais, no desenvolvimento pessoal, na manutenção de uma relação mente-corpo equilibrada e na busca de um ambiente ecologicamente saudável. Cabe, a próprio pessoas fazer suas escolhas.

Do ponto de vista da Medicina Funcional, a doença crônica é manifestada por um conjunto de  sinais e sintomas que tem como base os seguintes núcleos:

 

  • Vigilância Imunológica,
  • Digestão,
  • Absorção e Integridade da Barreira,
  • Integridade Estrutural,
  • Homeodinâmica Oxidativa/Redutora,
  • Processo Inflamatório,
  • Destoxificação e Biotransformação,
  • Regulação Hormonal e de Neurotransmissores,
  • Equilíbrio Psicológico e Espiritual.

 

A compreensão destes núcleos permite elaborar uma estratégia de diagnóstico funcional e de tratamento multidisciplinar mais assertivo e com maior probabilidade de sucesso na recuperação global de saúde. Superando método ortodoxo.

A Medicina Integrativa Funcional, caracteristicamente, recorre a todas as abordagens terapêuticas, fortemente centrada na pessoa, em que a intervenção de uma equipe multidisciplinar e o recurso a múltiplos saberes potencializam as sinergias da recuperação de saúde.

Baseado nas necessidades individuais elaboramos um plano ou projeto de saúde, qualidade de vida e bem-estar para que o paciente encontre o seu equilíbrio e viva com mais prazer e felicidade.

medico

TRATAMENTOS REALIZADOS

PRÉ-CONCEPÇÃO:

  • Avaliação saúde ao casal
  • Orientação Nutricional e Funcional

GESTAÇÃO:

  • Orientação Nutricional
  • Cardápios individualizados
  • Nutrição e Vitaminas Materno Fetal
  • Equilíbrio Nutrientes
  • Controle de peso (ganho e peso alvo)

CRIANÇAS:

  • Nutrição infantil – todas as idades
  • Crescimento a acompanhamento Puberal
  • Desempenho em atividades esportivas
  • Atendimento a Crianças Seletivas
  • Alergias e Intolerâncias alimentares
  • TDAH – Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade
  • Distúrbio do Sono
  • Autismo e Doenças Genéticas
  • Alergias e Doenças Respiratórias

ADULTOS:

  • Avaliação de saúde e Prevenção de doenças
  • Colocação de Balão intragástrico coadjuvante emagrecimento.
  • Acompanhamento pós Bariátrico
  • Transtorno de Ansiedade e Déficit de atenção.
  • Envelhecimento avançado.
  • Doenças ósseos e metabólicas – Diabetes, tireoide, osteopenia e osteoporose.
  • Sarcopenia e Ganho de massa muscular
  • Terapia de Modulação Hormonal – (Fitoterapia, Bioidêntico e Implantes).
  • Suplementação – adultos, atletas e idosos.
  • Dependências Químicas e medicamentosas.
  • Distúrbios alimentares – anorexias, bulimias e comedores compulsivos.
  • Intolerâncias e alergias alimentares.
  • Transtornos Intestinais – Síndrome do Cólon Irritável, Doença Celíaca, Constipação crônica.
  • Câncer – Acompanhamento e Nutrição saudável
  • Doenças Crônicas, Hipertensão
  • Doenças Neurológicas

MULHER:

  • Avaliação de saúde e Prevenção de doenças femininas
  • Disfunção sexual, alteração da libido, depressão, fadiga.
  • Síndrome o Ovário micropolicistico
  • Endometriose
  • Menopausa e menopausa precoce.
  • Terapia de Modulação Hormonal – Fitoterapia e Hormônios Bioidênticos.

NUTROLOGIA e NUTRIÇÃO FUNCIONAL:

  • Atendimento especializado
  • Dietas Funcionais:
    • Detox
    • Alimentação Consciente (Mindfulness)
    • Cetogênica
    • Jejum Intermitente
    • Low Carb
    • Ganho de massa
    • Anti Câncer
    • Vegetariana
    • Disbiose Intestinal
  • Alimentação funcional para todas as idades
  • Cardápios especiais alergias e intolerâncias alimentares

DOENÇAS da MODERNIDADE:

  • Obesidade
  • Estresse
  • Depressão, ansiedade, distúrbios de Humor
  • Intoxicação ambiental
  • Distúrbios do sono
exames

EXAMES E TRATAMENTOS FUNCIONAIS

A Avaliação Funcional da Ortomolecular é indicada em casos de: obesidade, depressão ou síndrome do pânico, fadiga e cansaço, desânimo, alteração de humor, queda do rendimento físico e/ou cognitivo, diabetes, câncer, intolerâncias alimentares, entre outras.

  • EXAME DE BIOIMPEDÂNCIA COM INBODY

A análise da composição corporal é o método mais preciso para avaliar o peso saudável de um indivíduo.

A tecnologia InBody revolucionou o campo da bioimpedância e atualmente integra a mais avançada tecnologia. O InBody tem hoje a confiança dos melhores núcleos profissionais.

O teste InBody é rápido, preciso e não invasivo.

Os resultados da análise InBody podem ser usados como indicadores para um tratamento personalizado e adequado, através de um monitoramento preciso do estado de saúde, em muitas áreas como obesidade, nutrição e reabilitação, entre outras.

Os equipamentos InBody possibilitam uma prática médica inteligente com alta tecnologia e promovem uma vida mais saudável para todos.

Seu exame já vem incluído na sua consulta.

  • EXAME DE ANÁLISE QUÂNTICA

Chegou a era da Medicina informativa celular! Um avanço na coleta de informações médicas.

Baseado no princípio da Medicina Quântica o equipamento, em poucos minutos, realiza uma análise detalhada da função bioquímica orgânica.

As células, microrganismos e órgãos presentes no nosso organismo emitem informações eletromagnéticas únicas e identificáveis como “impressões digitais”. Como um sistema de recepção, processamento e emissão de informação celular o aparelho capta as informações em padrões de ondas eletromagnéticas e às classificam.

Quando o campo eletromagnético está em ordem o nosso corpo está saudável.

Tecnologia de origem Alemã, utilizada pela NASA e amplamente difundida na EUROPA e EUA. O aparelho permite uma análise mais refinada tanto quantitativa e qualitativa da função orgânica bioquímica celular.

Na prática, tem a finalidade de facilitar os ajustes terapêuticos ampliando e refinando o tratamento dos pacientes, identificando metabólicos insolúveis, metais pesados, substâncias inorgânicas, bactérias e fungos, parasitoses, disfunção ou inflamação celular por órgão individualizado.

Indicações:
• Fadiga, dores crônicas
• Insônias
• Stress, ansiedade, fobias
• Desequilíbrios dos órgãos e seus sistemas
• Alergias
• Lesões musculares e performance desportiva
• Bloqueios emocionais e mentais
• Hiperatividade
• Falta de memória e concentração
• Défice de aprendizagem e atenção
• Problemas de coluna e ossos
• Problemas circulatórios e tensão arterial
• Sistema imunitário
• Questões degenerativas
• Perturbações digestivas
• Problemas respiratórios
• Depressão e distúrbios emocionais

  • INTOLERÂNCIA ALIMENTAR

A Intolerância Alimentar (também conhecida como alergia tardia, hipersensibilidade alimentar ou alergia tipo III) consiste em reações não tóxicas, as quais podem ser causadas por alimentos (proteínas) reconhecidos como estranhos pelo organismo levando a reações mediadas principalmente por IgG.

Mais de 80 % das reações imunológicas tem sua origem no intestino que garantem uma barreira quase intransponível contra bactérias, vírus e outros agentes patogênicos. Esses alimentos ou substâncias e/ou fragmentos de proteínas (macromoléculas), inflamam a mucosa intestinal, aumentam a permeabilidade, caem na circulação e são reconhecidos pelo sistema imunológico como elementos estranhos e agressores. São combatidos pelo sistema imunológico, formando imunocomplexos (Ag-Ac) , que se não forem neutralizados ou fagocitados, serão depositados em órgão ou tecidos levando a processos inflamatórios e revelando  sinais e sintomas.

A literatura médica mundial, para o assunto, descreve mais de 150 sinais e sintomas associados à incompatibilidade, hipersensibilidade ou intolerância alimentar. Com este processo instalado dizemos que o paciente é intolerante ao determinado alimento. Excluindo o alimento da dieta por certo tempo ( mínimo 90 dias), tratando a mucosa intestinal e recompondo a microflora intestinal o alimento poderá ser reintroduzido à rotina do indivíduo observando sempre a frequência e quantidade.

Conheça os Tipos de Alergias Alimentares

Tipo I – Reação aguda com hipersensibilidade imediata. Mediada por anticorpos IgE. Alergia imediata, Alergia clássica. Reações cutâneas e agudas. Diagnóstico pelo teste cutâneo ou sangue.

Tipo II – Presença de anticorpos IgG, induz a destruição celular Fixação lenta na superfície celular. Citotoxicidade.
Tipo III – Presença de imunocomplexos Ag-AC (IgG). Resposta inflamatória. Alergias tardias, Intolerância alimentar. Diagnóstico feito através da dosagem no sangue complexos IgG alergias tardias sem sinais agudo.

Tipo IV – Presença de linfócitos T de memória. Inflamação crônica. Hipersensibilidade tardia. Ex. Alergias a metais, Alergia alimentar (Celíacos).

  • MINERALOGRAMA DO CABELO

O Mineralograma do cabelo, elaborado por meio de uma técnica denominada espectofotometria do cabelo, permite-nos diagnosticar uma intoxicação crónica por metais pesados, bem como uma sobrecarga ou deficiência em metais essenciais (ELEONORE BLAUROCK-BUSCH, VERONICA GRIFFIN, 1996).

Amplamente utilizada na Medicina Ocupacional em trabalhadores expostos a produtos químicos, hoje tem sido cada vez mais solicitada para avaliar os indivíduos. Estamos vivendo num mundo Tóxico seja por alimentos, cosméticos, poluentes e contaminantes ambientais.

Estas informações são indispensáveis para a tomada de decisão terapêutica que pode ser quer a suplementação dos metais essenciais em deficiência quer a necessidade de desintoxicação dos metais pesados.

  • STRESS ADRENAL

Identifica o nível de stress do paciente, definido como agudo ou compensando, crônico ou descompensado ou fase de exaustão, síndrome de stress pós-traumático, e definir conduta terapêutica.

  • STRESS OXIDATIVO

Mede os níveis urinários de MDA (Malondialdeido), marcador indireto do nível de peroxidação lipídica, e da reação inflamatória tecidual, e permite modular com antioxidantes e anti-inflamatórios naturais ou farmacológicos. Relaciona-se a processos inflamatórios específicos como os reumáticos e inespecíficos como a inflamação de endotélio e oxidação do colesterol.

  • DISBIOSE

Marcador que indica o desequilíbrio da flora bacteriana intestinal, assim como alteração da permeabilidade intestinal, frequentemente alterado em pacientes com uso constante de antibióticos, anti-inflamatórios, corticoesteroides, e com stress crônico, frequentemente encontrado e alterado em pacientes com síndrome de cólon irritado, alterações psiquiátricas, lesões inflamatórias, obesidade, e transtornos de comportamento.

  • TESTE DE PH DA SALIVA

Mede alterações gastrointestinais, reserva alcalina, reserva ácida, disbiose, aumento do stress oxidativo, infecções a repetição (H pylori), alterações ósseas, cardiovasculares etc.

  • TESTE DE ZINCO

Serve para avaliar deficiência de zinco, importante em diversos funções metabólicas dentre elas tireoide e hormonal como testosterona.

  • TESTE DE CÁLCIO

Presença de cálcio na urina.

  • TESTE DE ASCORBATO

 Deficiência de Vitamina C.

TRATAMENTOS FUNCIONAIS

  • Vitaminas Injetáveis
  • Sorologia para Atletas
  • Ozonioterapia
  • Plasma Rico em Plaquetas

Agende agora mesmo sua consulta

Entre em contato pelo nosso formulário, por telefone ou e-mail
Agendar